sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Resultado Final da Seleção do PET-Pedagogia

Universidade Federal de Campina Grande
Centro de Humanidades
Unidade Acadêmica de Educação
                                                               Curso de Pedagogia
Programa de Educação Tutorial – PET
Seleção de Bolsistas – 2014
EDITAL N° 01/2014



Resultado Final


Nomes
1º etapa
2° etapa
CRA
Média
Situação
Renatta Yris de Araújo de Queiroga
7,0
7,6
8,0
7,5
Classificada/Aprovada
Késsia Tayse Barbosa Cavalcante
7,0
7,3
7,9
7,4
Classificada/Aprovada
Mirele Islane dos Santos Pereira
7,0
7,5
7,5
7,3
Classificada/Aprovada



Melânia Mendonça Rodrigues

Tutora do PET/Pedagogia





Postado por:
 Guilherme Lima e Patrícia Nelly da Silva Lima
Graduandos do curso de Pedagogia (UFCG) e Bolsistas do PET/ Pedagogia.





























terça-feira, 25 de novembro de 2014


Universidade Federal de Campina Grande
Centro de Humanidades
Unidade Acadêmica de Educação
Curso de Pedagogia
Programa de Educação Tutorial – PET
Seleção de Bolsistas – 2014
EDITAL N° 01/2014



Resultado da 1ªetapa

Nomes Notas Situação
Késsia Tayse Barbosa Cavalcante    7,0 Classificada
Mirele Islane dos Santos Pereira    7,0 Classificada
Renatta Yris de Araújo de Queiroga    7,0 Classificada



Entrevista/ quinta- 27/11/14
Nomes Horários
Késsia Tayse Barbosa Cavalcante   14 h
Mirele Islane dos Santos Pereira   14h30 min
Renatta Yris de Araújo de Queiroga   15 h



Melânia Mendonça Rodrigues
Tutora do PET/Pedagogia

Postado por: Guilherme Lima e Patrícia Nelly da Silva Lima
Graduandos do curso de Pedagogia (UFCG) e Bolsista do PET/ Pedagogia

sábado, 22 de novembro de 2014

ANPAE - Seção Paraíba



Confira a programação do VII Encontro Estadual da Associação de Política e Administração da educação - ANPAE que acontecerá nos dias 25 e 26 de novembro na UFCG!




25 de novembro – 3ª feira

08:00

CREDENCIAMENTO


09:00

APRESENTAÇÃO CULTURAL


09:30

ABERTURA OFICIAL


10:30 às 11:30

CONFERÊNCIA: O NOVO PNE (2014-2024) E A GESTÃO EDUCACIONAL: DESAFIOS E PERSPECTIVAS

Profa. Dra. Márcia Ângela da Silva Aguiar (Presidente da ANPAE / UFPE / CNE)
Coordenadora: Profa. Dra. Andréia Ferreira da Silva (UFCG)
Local: Auditório do Centro de Extensão José Farias da Nóbrega / UFCG

14:00 às 16:00

MESA 1 – PNE: QUALIDADE DO ENSINO, AVALIAÇÃO E POLÍTICAS DE RESPONSABILIZAÇÃO

Profa. Dra. Andréia Ferreira da Silva (UFCG / PPGE/UFPB)
Prof. Luiz de Souza Júnior (UFPB / SME-JP)
Profa. Dra. Alda Maria Duarte A. Castro (UFRN)
Coordenadora: Profa. Mônica Martins de Oliveira (SEDUC/CG)
Local: Auditório CH/UFCG

16:30 às 18:30

MESA 2: A CONSTRUÇÃO DOS NOVOS PLANOS ESTADUAIS E MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO: DESAFIOS E PERSPECTIVAS

Profa. Adriana Valéria Diniz (UFPB)
Profa. Dra. Janine Marta Coelho Rodrigues (Presidente CEE-PB / UFPB)
Profa. Fátima Coutinho (Presidente CME-CG)
Coordenadora: Amarides do Carmo Dantas Dias (Presidente UNDIME-PB)
Local: Auditório CH/UFCG

18:30 às 19:30

APRESENTAÇÃO DE PÔSTERES

Local: Hall do Auditório CH/UFCG

19:00 às 20:30

APRESENTAÇÃO CULTURAL

Trio de Forró / Coquetel

26 de novembro – 4ª feira

08:00 às 10:00

MESA 3: PNE, GESTÃO DEMOCRÁTICA E DIVERSIDADE

Prof. Dr. Antônio Berto Machado (UFCG)
Profa. Dra. Maria Salete Barbosa de Farias (UFPB)
Profa. Dra. Niédja Maria Ferreira de Lima (UFCG)
Coordenadora: Profa. Dra. Fernanda de Lourdes A. Leal (UFCG)
Local: Auditório do CH/UFCG

10:00 às 12:00

MESA 4: PNE, PAPEL DO ESTADO E A RELAÇÃO PÚBLICO-PRIVADO

Prof. Dr. Antônio Lisboa Leitão Souza (UFCG / PPGE – UFRN)
Prof. Dr. Gilmar Barbosa Guedes (UFRN)
Coordenador: Prof. Ms. José Irelânio Leite de Ataíde (CDSA-UFCG / ADUFCG)
Local: Auditório do CH/UFCG

14:00 às 15:30

MESA 5: PNE, FORMAÇÃO E VALORIZAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO

Profa. Dra. Ana Paula Furtado S. Pontes (UFPB)
Profa. Dra. Melânia Mendonça Rodrigues (UFCG)
Coordenadora: Rita de Cássia Cavalcante Porto (UFPB / ANFOPE)
Local: Auditório CH/UFCG

16:00 às 18:00

APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS



Postado por:
Katiana Galdino de Macêdo e Simone Araújo da Silva Salvino
Graduandas do Curso de Pedagogia  (UFCG) e bolsistas do Grupo PET/Pedagogia


segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Carta Aberta sobre avaliação em larga escala de habilidades não cognitivas de crianças e jovens


CARTA ABERTA À COMUNIDADE ACADÊMICA E AOS REPRESENTANTES DE SECRETARIAS E ÓRGÃO DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SOBRE AVALIAÇÃO EM LARGA ESCALA DE HABILIDADES NÃO COGNITIVAS DE CRIANÇAS E JOVENS

Sobre avaliação em larga escala de habilidades não cognitivas de crianças e jovens

A Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (Anped) vem manifestar seu repúdio à adoção e a institucionalização de uma avaliação em larga escala de habilidades não cognitivas de crianças e jovens, no âmbito de iniciativas de avaliação em larga escala em curso no Brasil.
Trata-se de rejeitar a adoção, como política pública, do programa de medição de competências socioemocionais, denominado SENNA (Social and Emotional or Non- cognitive Nationwide Assessment), produto de iniciativa do Instituto Ayrton Senna em parceria com a OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico).
Essa perspectiva está colocada na medida em que se tem a presença do Ministério da Educação (MEC) apoiando a realização de seminários em que tal proposta foi divulgada, além de parceria firmada entre Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), órgão ligado ao MEC, e o Instituto Ayrton Senna (IAS) para a criação do Programa de Formação de Pesquisadores e Professores no Campo das Competências Socioemocionais.
A consideração de que o desenvolvimento de crianças e jovens extrapola a dimensão cognitiva e o reconhecimento de que no contexto escolar são trabalhadas atitudes e valores - fato esse reconhecido e trabalhado pelos profissionais da educação há muito tempo nos currículos e nas escolas - não autorizam a proposição de tomar aspectos relativos ao desenvolvimento socioemocional dos estudantes como objeto de avaliação em larga escala.
As ações e estratégias que balizam as políticas e, consequentemente os exames, não são neutras nem destituídas de valores, mas correspondem e apontam para um ideal de sociedade que precisa ser democraticamente debatido. As questões da avaliação são questões de currículo e, portanto, uma arena política, ideológica, cultural e de poder.
No campo da psicologia, características socioemocionais costumam ser tratadas como "traços de personalidade" ou "traços de caráter". Na área da educação tem-se observado certa variação terminológica, na medida em que há estudos em que é adotada a expressão "características socioemocionais" e outros, que ao se apropriarem de expressões mais recorrentemente empregadas pelos economistas, tais como "competências socioemocionais" ou "habilidades socioemocionais" têm preferido o emprego de “habilidades não cognitivas”. Essas distinções são necessárias para situar que campo de conhecimento está balizando a proposição de testes.
Outra consideração importante diz respeito ao histórico da ANPEd na luta pela educação pública e democrática. E, nesse sentido, questiona-se o que significa uma instituição privada definir o “conteúdo da educação” por meio de avaliações. No Brasil, por um lado, avançamos no acesso à educação, mas, por outro, há um avanço da privatização do público e da naturalização das perdas da democratização da educação.
Com base nessas considerações pondera-se que:
- as dimensões política e ideológica são constitutivas da avaliação, ou seja, é uma atividade que traz inerente às suas finalidades e procedimentos a afirmação de valores, que representam projetos educacionais e sociais. Que valores são afirmados por meio dessas avaliações? A quem cabe defini-los?
- o estabelecimento de uma hierarquia valorativa, pretensamente universal e imparcial, expressa a desconsideração da desigualdade social econômica e a diversidade cultural da sociedade brasileira, bem como as diferenças entre os sujeitos, o que possivelmente representa a naturalização de valores oriundos das classes mais favorecidas socioeconomicamente. O que se busca é a padronização desses valores?
- as avaliações em larga escala vêm se constituindo como uma das principais estratégias de consecução de uma lógica de gestão da educação que, em nome da promoção do desenvolvimento dos alunos, recorre à comparação de seus níveis de proficiência e à sua classificação e premiação. O que poderá resultar da avaliação de habilidades socioemocionais: premiação daqueles alunos que se conformarem aos valores estabelecidos? Segregação e discriminação daqueles que não apresentam as habilidades tomadas como as necessárias para uma sociedade “melhor”? Quem decide sobre qual é a “melhor sociedade” são os elaboradores dos itens dos testes?
- é conhecido o potencial que avaliações externas à escola, em larga escala, de condicionarem e conformarem o currículo escolar. O que teremos agora: a intensificação e ampliação desse controle e conformação, abarcando um quadro disciplinar de competências socioemocionais tidas como desejáveis?
- corre-se o risco de rotular e estigmatizar crianças e jovens por não se saírem bem nos testes socioemocionais, culpabilizando-os pelo fracasso, abstraindo fatores contextuais, sejam suas condições de escolarização, seja capital econômico, social e cultural. Em consequência, não se estaria afirmando preconceitos a respeito de determinados estudantes?
- O desenvolvimento socioemocional ou socioafetivo é, assim como o cognitivo, um processo de construção do sujeito, intermediado por questões sociais, culturais, ambientais que não pode ser medido por meio de itens de testes de larga escala. O que se intenta é torná-lo mensurável e quantificável para apoiar classificações?
Em conclusão, a Anped considera inadequada e inaceitável a adoção de uma avaliação em larga escala de habilidades socioemocionais de crianças e jovens, no âmbito de iniciativas de avaliação em larga escala da Educação Básica, uma vez que poderá vir a reforçar a seletividade e exclusão, escolar e social.
Rio de Janeiro, 06 de novembro de 2014.
Maria Margarida Machado Presidente da ANPEd 

Qual a sua opinião sobre  essa método de avaliação em larga escala de habilidades não cognitivas de crianças e jovens? 
Leia, pense, reflita e dê sua opinião! Vamos dialogar!

Postado por:
Vanderléia Lucena Meira
Graduada no curso de Pedagogia  (UFCG) e bolsista do Grupo PET/Pedagogia



terça-feira, 11 de novembro de 2014

III Seminário Percursos do Pensamento Educacional Contemporâneo (SePPEC)

Click AQUI para mais informações



Postado por:
Aline Dionízio Leal
Maria das Dores Oliveira
Graduandas do Curso de Pedagogia  (UFCG) e bolsistas do Grupo PET/Pedagogia

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Edital de Seleção - PET Pedagogia


       Universidade Federal de Campina Grande
Centro de Humanidades
Unidade Acadêmica de Educação
Curso de Pedagogia
      Programa de Educação Tutorial – PET
Seleção de Bolsistas – 2014
EDITAL N° 02/2014

A Coordenação do Curso de Pedagogia e a Tutoria do Grupo PET/Pedagogia divulgam, pelo presente edital, as inscrições para a seleção de bolsistas para o Programa de Educação Tutorial (PET) do curso de Pedagogia da Universidade Federal de Campina Grande, Campus I, para o preenchimento de três vagas, a partir de 1° de dezembro do ano de 2014, em conformidade com as disposições a seguir apresentadas.

1 – Período, local e horário de inscrição
 Os candidatos poderão inscrever-se no período de 03 a 07 de novembro do corrente ano, na Secretaria da Unidade Acadêmica de Educação, nos turnos matutino, vespertino e noturno – das 8h às 11h30min, das 14h às 17h e das 18h30min às 21h, respectivamente.

2 – Requisitos e documentação exigidos para inscrição
2.1 Poderão inscrever-se alunos do Curso de Pedagogia do Centro de Humanidades da UFCG que atendam aos seguintes requisitos:
a)    estarem regularmente matriculados, no semestre letivo 2014.2, do ao 6º períodos do Curso de Pedagogia.
Alunos matriculados em períodos mais adiantados que os especificados poderão inscrever-se, mediante declaração da coordenação do Curso, no caso de permanência no curso igual ou superior a um ano.
b)   possuírem coeficiente de rendimento acadêmico (CRA) igual ou superior a 7,0.

2.2 Para efetivar a inscrição, o candidato deverá entregar a seguinte documentação:
a) ficha de inscrição devidamente preenchida;
b) cópia do histórico escolar;
c) cópia do RDM relativo ao semestre 2014.2;
d) declaração de que não acumulará bolsas nem manterá vínculo empregatício ou qualquer atividade ocupacional, durante sua permanência no grupo PET;
e) exposição dos motivos pelos quais deseja participar do PET- Pedagogia e suas possíveis contribuições ao grupo. 

3 – Processo de seleção

3.1. Etapas - a seleção dos candidatos constará de duas etapas:
a)        a primeira, de caráter eliminatório, compreenderá uma atividade de expressão oral, uma produção textual, um debate e a análise da exposição de motivos. Somente os candidatos que obtiverem nota igual ou superior a 7,0 (sete) na primeira etapa poderão participar da segunda;
b)        a segunda etapa, de caráter classificatório, constará de uma entrevista e da análise do histórico escolar.

3.2. Critérios e Conteúdos:
·          exposição de motivos – coesão e clareza textuais, precisão conceitual e adequação do conteúdo ao proposto no item 2.2 ;
·           produção textual – coesão e clareza textuais, precisão conceitual, capacidade critico- argumentativa, com base nos  textos sugeridos;
·          atividade de expressão oral – desenvoltura, fluência, iniciativa e interação com o grupo;
·          debate – compreensão, estabelecimento de relação com os textos sugeridos e posicionamento crítico acerca da temática abordada em um vídeo, projetado na ocasião;
·           entrevista - perfil do candidato, regulamentação do Programa (PET – Manual de Orientações Básicas) e atividades do Grupo PET/Pedagogia.

3.3. Calendário
Atividade
Data e hora
Local
Atividade de expressão oral
10/11/2014, às 14h


UAEd
Produção textual
11/11/2014, às 14h
Debate
12/11/2014 às 14h
Publicação resultado parcial
14/11/2014 até às 10h
Entrevistas
A partir de 14/11, às 14h.
Publicação resultado final
19/11/2014, às 15h.

Obs.: As matrizes dos textos sugeridos se encontram na Xerox de Júnior Branco, na pasta do PET – Pedagogia. O manual de orientações básicas está disponível no blog do PET-Pedagogia.

Campina Grande, 29 de outubro de 2014.

 

 
 
Kátia Patrício Benevides Campos                                                  Melânia Rodrigues Mendonça
Coordenadora do Curso                                                                Tutora do PET-Pedagogia



 
 
 




Postado por: Paula Silvestre e Janiéli  Silvestre/ Bolsistas do PET-Pedagogia   


Antonio Gramsci

Todo Estado é uma ditadura.